A Terapia como ponte para o Amor e a Presença

Corpo e Consciência

17 jan 2017

O que é o corpo? E qual a relação entre o corpo e a consciência?

Estar encarnado é talvez a maior magia e mistério que o ser humano pode experimentar na vida. Essas perguntas acima já tiveram talvez trilhões de respostas, mas a soma de todas elas não consegue desvendar essa magia. Simplesmente viver, sentir o corpo conscientemente talvez seja o que mais se aproxima do desvendamento desse mistério.

Muitos dos buscadores da verdade, tentaram separar o corpo da alma. Por um lado, eles achavam que a alma era a única coisa espiritual e abandonaram ou até massacraram o corpo na tentativa de ‘salvar a alma’. Alguns outros abandonaram a ideia de alma e pregaram que só o corpo existe, ou só a matéria existe. Mas será que você consegue produzir a uva sem água? E quando a uva floresce você pode negar a existência da água na mesma?

Minha experiência com terapias corporais me mostra que corpo e consciência estão intrinsecamente ligados e não se pode separar um do outro. Hoje, até prefiro chamar a consciência ou a alma de nível vibracional eletromagnético para que não seja confundido com algo religioso ou esotérico. Na minha experiência o corpo é composto de vibração eletromagnética e a mesma vibração eletromagnética compõe o corpo. Daí eles serem inseparáveis. E como tudo isso afeta a minha vida e as minhas relações?

Diariamente recebo clientes para terapia individual que depois que eles relatam o que estão sentindo ou vivendo, percebo que eles estão totalmente fora do corpo e que isso é a causa raiz de todo o seu problema. Para onde vamos quando estamos fora do corpo? Resposta simples, para a mente! Toda a energia deles está acumulada na mente. Eles ficam tentando resolver o seu problema através do pensar sobre, justificar, analisar, culpar, do pensar em como se comportar. E esses pensamentos ficam girando na sua cabeça sem encontrarem uma solução.

Quando proponho um exercício simples de bioenergética ou de toque consciente, uma hora depois eles aportam no céu. Todos os problemas desapareceram. E nasce uma certeza e uma confiança que eles vão encontrar uma solução finalmente.

A técnica utilizada foi bem simples: resgatamos a energia acumulada na mente e a distribuímos pelo corpo inteiro. Eles encarnaram novamente e isso lhes traz de volta para o corpo, para a terra. Podemos dizer que eles estavam vivendo em outro planeta: o planeta do sonho, da ilusão, da alucinação. Eles estavam presos a algum sistema de crenças e certamente esse sistema negava o corpo.

Quando eles se permitem voltar para o corpo, se sentem novamente como um ser vibracional, experimentam uma profunda paz, um silêncio volta a reinar e se sentem mais próximos de casa. É isto mesmo, o corpo é o lar do espírito. E talvez possamos sair um dia desse lar para voos mais altos, mas sairemos carregando nosso corpo profundamente no coração e agradeceremos toda a hospitalidade que nos foi dada por todo o tempo que vivemos.

Namastê Guilherme Ashara

Deixe um Comentário